Ordem de inscrição


Na nota divulgada pela ANCINE em seu portal foi divulgada a seguinte decisão:

Somente uma parte dos projetos inscritos na chamada PRODAV 1/2013, será atendida. As análises serão feitas com base na ordem de inscrição. Uma vez esgotados os recursos, de R$ 60 milhões, os projetos não contemplados serão arquivados.

A Resolução do CGFSA nº 130, de 07 de março de 2018, determinou o encerramento das Chamadas PRODECINE 02/2016 e PRODECINE 04/2016. Por insuficiência de recursos não será possível atender a todos os projetos inscritos. As análises, serão feitas com base na ordem de inscrição, e serão divulgadas ao longo do mês de maio. Uma vez esgotado o saldo das chamadas, os projetos não contemplados serão arquivados.

Por fim, a Resolução do CGFSA nº 148, de 11 de abril de 2018, encerrou a Chamada PRODECINE 03/2016, com o remanejamento do saldo de recursos para novo edital destinado à comercialização, a ser lançado nos próximos dias. No caso desta Chamada, todos os projetos inscritos serão analisados, uma vez que existe saldo suficiente para atender à demanda acumulada.

Estou desconfiada que uma parte dos recursos anunciados para as novas chamadas públicas são recursos que poderiam ser usados para contratar os projetos já inscritos. Desconfio que não há dinheiro novo nenhum, apenas recursos de aplicação financeira dos dinheiros parados.

Desconfio que para o governo anunciar estes novos editais vai se utilizar apenas destas aplicações... será??

E quem estava na fila?? O que vai acontecer? Voltam para o inicio da fila? Não é absurdo? Pode ser legal, mas é desleal...

Photo by Steven Lelham on Unsplash

#editais #FSA #Prodav #Prodecine

SOBRE A VERA 

Com mais de 30 anos de experiência na área pública, Vera ocupou diferentes cargos nas principais instituições responsáveis pelas políticas públicas para o audiovisual e pelo financiamento do setor cinematográfico no Brasil
De forma didática e clara,
Vera consegue aproximar o conteúdo para diferentes públicos e ajudar aqueles que buscam se reciclar ou querem conhecer mais sobre a área. 

Nenhum tag.